LONDRINA

Sindicato pede prioridade na imunização da categoria contra a Covid-19

O Sindicato de Londrina enviou ofício ao prefeito Marcelo Belinati solicitando prioridade na vacinação d@s bancári@s O Sindicato de Londrina enviou ofício ao prefeito Marcelo Belinati solicitando prioridade na vacinação d@s bancári@s
segunda-feira, 11/01/2021

O Sindicato de Londrina enviou na última sexta-feira (8/01) ofício ao prefeito Marcelo Belinati (PP), com cópias para o secretário de Saúde, Felippe Machado, e o presidente da Câmara Municipal, Jairo Tamura, solicitando prioridade para a categoria bancária no plano municipal de vacinação contra a Covid-19.

No documento, assinado pelo presidente do Sindicato, Felipe Pacheco, a entidade lembra que a categoria é considerada como prestadora de serviços essenciais no Decreto Federal 10.239, de 28/04/2020, e, também, no Decreto Estadual 4.317 de 21/03/2020, tendo por isso atuado na linha de frente para atender à população desde quando foi identificada a pandemia no País.

O diretor do Sindicato de Londrina, Laurito Porto de Lira Filho, que é membro do Conselho Municipal de Saúde, afirma que a CISTT (Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora) também já encaminhou solicitações às esferas estadual e nacional para que as categorias listadas como prestadoras de atividades essenciais, como a bancária, sejam incluídas como prioritárias no Plano de Imunização para a Covid-19.

“Nós temos mais de 1.600 bancárias e bancárias em Londrina, atuando em agências totalmente fechadas, sem ventilação natural e com a circulação de um grande número de pessoas diariamente. São locais potencialmente mais arriscados, tanto é que já registramos cerca de 70 casos positivos de Covid-19 desde o início da pandemia e um óbito”, aponta.

Este número, segundo Laurito, pode ser bem maior, já que dados do Conselho Municipal de Saúde indicavam, até dezembro de 2020, 105 casos de bancários contaminados.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE