BRADESCO

Reunião em Curitiba discute demandas dos funcionários no Estado

Os dirigentes sindicais deixaram claro na reunião que se as reivindicações não foram atendidas serão desenvolvidas ações em âmbito nacional para resolver os problemas Os dirigentes sindicais deixaram claro na reunião que se as reivindicações não foram atendidas serão desenvolvidas ações em âmbito nacional para resolver os problemas
quarta-feira, 01/05/2019

O Coletivo de Dirigentes Sindicais do Bradesco das bases filiadas à Fetec-CUT/PR (Federação dos Trabalhadores nas Empresas de Crédito do Paraná) se reuniu com representantes da diretoria do banco na terça-feira (30/04), em Curitiba.

No período da manhã foram abordados os problemas referentes à falta de pessoal nas agências, cobranças cada vez mais abusivas pelo cumprimento de metas e, consequentemente, o aumento do adoecimento de bancários e bancárias no Estado.

À tarde, as discussões foram baseadas nos resultados da pesquisa de satisfação em relação ao Saúde Bradesco, feita junto aos funcionários e funcionárias, que apontou os pontos falhos no atendimento do Plano.

“Os representantes do banco se comprometeram em fazer um estudo sobre as melhorias que nos reivindicamos e dar retorno no prazo de 90 dias, Vamos aguardar as providências a serem tomadas, mas deixamos bem claro que estamos priorizando as negociações e caso não sejamos atendidos serão organizadas ações sindicais nacionalmente para regularizar esses problemas”, relata Valdecir Cenali, diretor do Sindicato de Londrina e representante do Vida Bancária na COE (Comissão de Organização dos Empregados) do Bradesco.

Por Armando Duarte Jr.

COMPARTILHE